Alimentação durante a amamentação

Oiii amores, tudo beem?

Hoje irei compartilhar com vocês sobre minha alimentação e as dicas absorvidas durante esse período em que estou amamentando a Lorena no peito.

iStock_000050545860_wide

Fonte: Pinterest

Faço o possível para continuar com os hábitos saudáveis que eu aderi desde que descobri que estava gravida, procuro comer mais frutas e verduras|legumes e alimentos que sejam boas fontes de proteínas, cálcio e ferro e é claro que me permito comer guloseimas de vez em quando. Porém eu NÃO como chocolate, grão do feijão, repolho, ovo cozido, nem bebo leite de vaca, refrigerante, cafeína, bebida alcoílica, tudo isso para evitar que minha filha tenha cólicas e gases, conforme orientação do próprio pediatra da Lorena.

Muitas mães observam que, quando comem determinados alimentos, o bebê fica mais irrequieto e com sintomas de cólica, entretanto confie na sua observação, se o bebê ficou irritado a troco de nada, pense no que você comeu nas últimas horas e experimente eliminar esse alimento da sua dieta por alguns dias, para ver se melhora.

Muitas mulheres sentem mais fome na fase em que amamentam, o que faz todo o sentido, pois o corpo está dando o maior duro 24 horas por dia para produzir o leite do bebê. Tenha sempre o hábito de fazer um pequeno lanche nutritivo, uma barrinha de cereais ou uma torrada com queijo entre as mamadas.

Apesar da água ser muito importante para se manter bem hidratada, você não precisa ficar contando quantos copos d’água toma durante o dia, seu corpo vai se encarregar de avisar quando você precisa de água: os hormônios envolvidos na amamentação provocam a sensação de sede. Quando for se posicionar para amamentar, já leve com você um copo ou uma garrafinha de água. Se sua urina estiver bem clara, é um bom sinal de que você está tomando uma quantidade adequada de líquidos.

Não é recomendável começar a fazer dieta enquanto o bebê tem menos de 2 meses, o melhor é perder peso aos poucos, através de uma alimentação saudável combinada a uma rotina de exercícios físicos. A amamentação por si só já ajuda a queimar a gordura da gravidez, por usá-la na produção do leite. Procure comer sempre que tem fome. Fazer um regime radical, com calorias reduzidas, pode acabar com sua energia e afetar sua produção de leite.

Bom, é isso meninas, espero que possa ter ajudado vocês. Comente aqui em baixo sua experiência.

Beijos e até o próximo!

 

Fonte: BabyCenter